16/03/2007

Mia: Don’t you hate that?

Vincent: What?

Mia: Uncomfortable silences. Why do we feel it’s necessary to talk about bullshit in order to be comfortable?

Vincent: I don’t know. That’s a good question.

Mia: That’s when you know you’ve found somebody special. When you can just shut the fuck up for a minute and comfortably enjoy the silence.

Vincent: I don’t think we’re there yet. But don’t feel bad, we just met each other

* Personagens de Uma Thurman e John Travolta conversando em um restaurante, em Pulp Fiction

* * *

Pronto. Entrou em ação o metralhador de palavras. Não sei como respirava, mas dava pra perceber o nervosismo porque as mãozinhas estavam geladas de suor. Mãozinhas, porque eram menores do que as minhas. Comentei uma vez que quando a gente começa a falar coisas no diminutivo, mesmo elas não merecendo, é porque é carinho, e no fundo, no fundo, a gente se importa. Já vi gente chamando homem de 1,90 de “meu nenezinho” (eu acho brega. nenê não, né, por favor, mas cada um, cada um)… As sobrancelhas não eram harmônicas. Um dos lados era bem retinho. O outro, se me lembro bem, o esquerdo, começava com alguns fios desordenados que só depois se alinhavam. Nariz grande. Italiano, provavelmente. Olhos falantes que me deixavam sem graça. A tática de olhar pro lado e disfarçar não funcionava porque ele puxava meu rosto e dizia pra olhar no olho. Droga. Odeio e ao mesmo me atrai gente que age assim. Gostei dos cílios, longos.

[Falando em descrição, nunca vi ninguém descrever a delicadeza melhor do que a minha tia, falando sobre minha avó. “Ela usa as pontas dos dedos. Quando pega o guardanapo, ela estende a mão e toca as pontinhas dos dedos no papel, e tu jura que o guardanapo vai cair da mão dela, de tão leve que ela segura. Mas ele não cai.”]

Anúncios

5 Respostas to “”

  1. Natusch Says:

    Tua tia é uma poeta, imagino que tu saiba disso. Ela devia escrever alguns contos – a figura de linguagem é belíssima!

    =)

  2. marlene Says:

    lindinho!

  3. maria Says:

    ja vistes “the girl in the cafe”? eles tem um dialogo sobre silencio cara-a-cara que… nossa.

  4. Cris Says:

    Hmm… não me lembro desse filme, Clara… Vou procurar saber mais.
    Bonito o diálogo, né? “silêncio revelador :) “


  5. Amo Pulp Fiction.


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: