Por que você bloga?

17/09/2007

Quem pergunta é a Sandra. Bah, blogo por tantas razões. É meu hábito mais saudável, depois da aversão a refrigerantes, acredito.

Cansei de ouvir professores da faculdade dizendo que ter um blog ajudava a desenvolver a velocidade do pensamento, a atenção no dia-a-dia, a criticidade e um jeito próprio de escrever. Comprovei tudo isso. Se eu largar o blog, enferrujo. Também já cansei de levantar da cama de madrugada com meus dedos impacientes porque uma idéia não saía da cabeça e se eu não escrevesse, ela ia embora. Blogo porque aqui conheço pessoas de lugares diferentes (reais e virtuais), aqui vejo idéias diferentes e proponho as minhas idéias. Concorda quem quiser, discorda também quem preferir, e essa discussão toda abre a cabeça. A blogosfera é uma multidão querendo conversar. Já morri de vontade de transformar os comentários que alguns deixaram aqui em novos posts, porque tantas vezes são melhores do que os próprios posts, ou os complementam, ou deixariam tão mais belo o lugar se estivessem mais visíveis. É isso. Blogo por hábito, por prazer, por lazer.

Criei um blog bem no escuro em 2005 com o intuito de escrever mais. Sempre gostei de escrever, mas morria de vergonha dos meus textos. “Crisinha tu tá numa faculdade de jornalismo e tem vergonha/medo de escrever??” Era meu bloqueio. Sentava na frente do micro e ficava horas enrolando até escrever algo, quando não desistia. O primeiro blog chamava-se Palavrasemordem, e era hospedado no blogspot. Morreu cedo. Mal começou, pra ser mais exata. Por falta de vontade, timidez, sei lá o quê. Falta de vontade mesmo. Recomecei alguns meses depois e dessa vez a coisa foi diferente. As idéias também eram diferentes. O segundo era também no blogspot, e tinha o mesmo layout do primeiro. Tinha a terminação “do Caos” no título. Usina do Caos. Um ano e pouco depois, já com um sentimento de dever não cumprido se passasse mais de três dias sem blogar, comecei a achar o layout no blogspot feinho e estático demais. Era preto, sei lá. Não que preto seja feio, mas a idéia era mudar tudo. Eu gosto de imagens, de cores, e isso faltava lá. Então o Cleber me falou do WordPress e vim futricar pra ver como era. Os poucos fui trazendo a mudança pra cá. E o “do Caos” já estava juvenil e afetadinho demais pra continuar no título, além de não combinar com o conteúdo. Agora eu tenho uma Usina, e ela funciona melhor do que eu imaginava.

Contrariando o propósito dos memes, não vou repassar a pergunta pra nenhum blogueiro definido, e sim deixar o convite do título pra quem quiser responder. Ah, mas me deixem os caminhos das respostas! Quero lê-las.

: )

Anúncios

14 Respostas to “Por que você bloga?”


  1. Bah! Eu também blogo por motivos parecidos, quase iguais!

  2. Sandra Leite Says:

    Adorei teus motivos.
    E sabes usar a palavra muito bem
    Valeu pela reflaexão !
    beijos e boa semana !

  3. bebel Says:

    Você é um mimo para quem faz escrivinhações …
    Ainda não consegui colocar a imagem no pixel certo,
    mas as palavras, a essas estão dispertas,
    sempre por perto.

    Beijos e uma ótima segunda-feira.

  4. babi Says:

    oi querida! tudo bom?
    eu saí da Itapema sim, infelizmente. Mas foi por um bom motivo: me forme e tô engatando um pós no exterior :D
    A expo tá rolando ainda sim, até quinta-feira agora, dia 19.
    Aparece lá! E me avisa, que daí vou também tomar um café contigo :D
    Beijocas
    e qualquer coisa, me manda um email: babim@terra.com.br

  5. ma Says:

    A resposta vai demorar a aparecer por inteira,mas uma coisa é certa: o fato de se ter tantos pensamentos juntos e experiencias unidas num lugar somente faz com que isto se torne um quase vício como o de tormar sorvete por exemplo sentado num lugar agradável…as palavras são como um ventinho agradável no rosto e onde as pessoas dão o melhor delas…onde também se tem vontade de retomar a escrita depois de muito tempo parada.Te devo esta,filha!


  6. Estou quase igual a você e Eu também blogo por motivos parecidos, quase iguais!
    parabéns pelo post e pelo blog…

  7. Sandra Leite Says:

    Eu agora morri de rir…Por que???
    Sou hiper-mega-ultra apaixonada por Buenos Aires. Estive lá em abril deste ano e me rendi a cidade.
    Gostos muito parecidos…Qualquer dia desses vou escrever sobre Buenos Aires :-)

    beijos

  8. Sandra Leite Says:

    Café marcado, com encontro ou sem encontro. Sampa é uma cidade maluca, mas tem seu charme. Eu não conheço POA. Quem sabe?
    Anota meu email sandraleitebh@gmail.com
    beijos

  9. Cris Says:

    Babi, tá anotado!

    Mãe, não me deves nada. O comentário que tu deixou no texto de baixo me deixou sem palavras. Mesmo…
    : )

    Contos! Apareça sempre…

  10. rafael Says:

    Adorei a frase:
    “A blogosfera é uma multidão querendo conversar.”
    Aqui rola um bom bate-papo!
    bjin

  11. Natusch Says:

    Puxa, agora fiquei pensando nisso. Eu demorei para me entender com o formato blog – na moral, eu não me entendi perfeitamente ainda, hehehe – mas sempre curti escrever crônicas, falar do cotidiano e de coisas sem sentido aparente. Enchi vários cadernos com isso na minha infância e adolescência. Vai ver eu já blogava antes da Internet =P
    O blog meio que virou isso para mim, um espaço para escrever crônicas – embora, com certeza, eu dê cada vez menos atenção a ele do que ele mereceria. Talvez depois que eu sair do Bar Fabico as coisas melhorem. Na moral, essa auto-análise rende um post lá, se eu escrever eu aviso ;)

  12. Cris Says:

    Hehe… Igor, eu “blogava” muito antes da internet. Meus blogs estão todos numa gaveta, embaixo da minha cama! Tu guardou os teus?

    Como tá a mono?

    : )

    Beijocas!

  13. natusch Says:

    Hmmmm… É uma boa pergunta. Eu acho que alguma coisa dos meus antigos blogs se mantém ainda (tenho umas caixas aqui nas quais não mexo há tempos e certamente alguns cadernos ainda estão lá), mas a maior parte deve ser apenas memória de pré-adolescência a essa altura…
    A mono está como imagino que estejam todas as monos sendo realizadas nesse momento do mundo: andando mais devagar do que deveria, mas mesmo assim se mexendo. Viva, enfim. Ainda tenho dois meses ;)
    Bjos, Cris =)


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: